Professora, curadora e gestora cultural, Carla M. Cardoso (1976) é licenciada em Design de Produto na Faculdade de Arquitetura da Universidade de Lisboa e frequentou o Mestrado em Ciências da Comunicação: Cultura Contemporânea e Novas Tecnologias da Universidade Nova de Lisboa.

Em 2021, assumiu o cargo de direção do Festival Iminente, “o festival urbano de arte e música por excelência”, que já soma nove edições, cinco cidades, quatro países e mais de 300 artistas portugueses e internacionais. Criado em 2016 e com curadoria de Pauline Foessel, Carla Cardoso e Alexandre Farto aka Vhils, artista de renome mundial, fundada pelo mesmo, o festival alimenta, como nenhum outro, as relações entre as cidades, os seus habitantes e a produção criativa. 

Na interseção entre música, arte contemporânea, dança, artes performativas, arquitetura, design, moda, cinema, récita e gastronomia, o Iminente é a materialização de um evento e uma plataforma centrados no desenvolvimento de comunidades locais, atento para e ativo na promoção da diversidade, integração e educação artística, em conjunto com organizações de cariz social. Assim, o Iminente partilha com a Temporada Portugal-França o compromisso com a idealização e concretização de oportunidades de crescimento, paridade e igualdade — e, por isso, em 2022, ruma para uma edição inédita em Marselha.

Nos dias 20 e 21 de maio, o festival ocupa, simbolicamente, o Mucem (Museu das Civilizações da Europa e do Mediterrâneo), situado à entrada do porto da cidade. Um “ponto de partida ideal para o mote de convergência entre estes dois países [Portugal e França] e estas duas cidades [Lisboa e Marselha]”, como elabora em comunicado para imprensa, centros de encontros multiculturais e profundamente ligados ao “sentimento ocêanico”, seja pela proximidade com o Tejo e o Atlântico ou com o Mediterrâneo. Artistas como 100 Blaze, Batida apresenta: #powertothedancefloor, Fado Bicha, Gisela João, Mbye Ebrima, Mohamed Lamouri, Mourad, Piny, Scúru Fitchádu, Thabiti, Tristany e Rita Vian são alguns dos nomes que compõem o line-up desta promissora passagem do Iminente pela França.

Carla M. Cardoso é, no entanto, isto e muito mais, acumulando diversas funções em várias instituições e projetos criativos por Portugal. Entre 2016 e 2021 foi diretora executiva da bienal MOLDA, integrada no Caldas da Rainha Cidade Cerâmica, um programa que valoriza as múltiplas vertentes da atividade cerâmica numa cidade que a desenvolve desde a sua origem, há mais de cinco séculos. Da cerâmica utilitária à decorativa e artística; da olaria à faiança, ao grés e à porcelana; da indústria à peça de autor; da experiência à investigação laboratorial, o programa reconhece e projeta as Caldas da Rainha como um centro produtor particularmente qualificado para a fixação e difusão desta prática nos âmbitos nacional e internacional.

Como Professora Convidada nas licenciaturas de Design Industrial e Programação e Produção Cultural e nos mestrados em Design de Produto e Gestão Cultural da ESAD-CR, expande a sua área de atuação para o universo académico. Foi, ainda, docente no mestrado em Gestão Cultural na Universidade Lusófona durante 5 anos. Além disso, atua como co-diretora da Associação Futuro, onde co-dirigiu o programa “Inspired Lisbon”, em 2008.

Mais cedo, entre 2002 e 2012, foi também coordenadora de produção e desenvolvimento de programa da experimentadesign, uma associação cultural sem fins lucrativos que visa consolidar-se como pólo para produção de conhecimento e difusão de conteúdos nas áreas do design, arquitetura e cultura de projeto. Entre 2004 e 2006, foi também parte do corpo de diretores da mesma entidade. Lá, comissariou e co-comissariou inúmeras exposições temporárias no Palácio Quintela, a bienal EXD, mostras nacionais e internacionais, palestras, debates e workshops.

Muitos outros projetos queridos ao distrito de Lisboa são também assinados por Carla, tendo sido diretora de produção da Trienal de Arquitectura de Lisboa em 2012, diretora da feira de arte do Estoril, Est Art Fair, em 2014, e coordenadora executiva do Doclisboa’13, do “Projeto Sociedade” na Sociedade Nacional de Belas-Artes, do European Creative Hubs Forum para o British Council e do programa “Escolha—Arquitectura” para a Ordem dos Arquitectos – Secção Regional Sul.

 

Foto em destaque: Carla M. Cardoso © Expanding Roots

Foto abaixo: Iminente 2021 © Chris Costa, Nash Does Work, Vera Marmelo