Data(s)

16/09/2022 
23/02/2023

Local

Bordéus 

Informações Práticas

Frac Nouvelle-Aquitaine MÉCA

Site & Redes Sociais

Apresentação

Les Péninsules Démarrées é uma exposição coletiva de artistas portugueses, de diferentes gerações e origens, comissariada pela pela curadora convidada Anne Bonnin.

Cobrindo um vasto período, desde os anos 60 até aos dias de hoje, este projeto pretende ser retro-prospectivo, olhando para criação a partir das suas fontes.

Na medida em que Portugal é a sua fundação, o objetivo é levantar partes de uma história contemporânea pouco conhecida na história, para voltar às fontes de uma avant-garde, ao mostrar artistas movidos por uma necessidade de emancipação ou transgressão perante a ditadura e a censura.

A exposição apresentada na MÉCA leva-nos a uma viagem através das 135 obras de 28 artistas, alguns já conhecidos do público francês e outros novos nomes que se revelam ou exibem pela primeira vez em França: Maria José Aguiar, Helena Almeida, Manuel Alves, Leonor Antunes, António Barros, René Bertholo, Isabel Carvalho, Lourdes Castro, Armanda Duarte, Alexandre Estrela, Gaëtan, Ana Hatherly, Ana Jotta, Álvaro Lapa, Malangatana, E. M. de Melo e Castro, Maria José Oliveira, Bruno Pacheco, Jorge Queiroz, Paula Rego, Catarina Simão, Ana Santos, Ângelo de Sousa, Salette Tavares, Francisco Tropa, Belén Uriel, João Pedro Vale & Nuno Alexandre Ferreira, Von Calhau!.

 

Imagem em destaque: © Francisco Tropa, «Scripta», 2016, Galerie Jocelyn Wolff, Photo: Marc Domage.