Site & Redes Sociais

Apresentação

Em setembro de 2022, o Festival d’Automne em Paris celebrará o seu 50º aniversário com uma edição inventiva e curiosa, voltando-se para a descoberta. Esta edição celebrará nomeadamente a força das alianças europeias e em particular das relações franco-lusófonas, por ocasião da Temporada Portugal-França.
Honrará também a bailarina e coreógrafa bi-nacional cabo-verdiana e portuguesa Marlene Monteiro Freitas, dedicando-lhe um grande “Portrait”, olhando para trás na sua rica carreira e apresentando as suas duas novas criações.

A artista visual da edição, Ana Jotta, apresentará uma exposição monográfica num novo local e assinará a identidade visual da edição. Também será convidada a companhia Dançando com a Diferença, que reúne em palco pessoas com e sem deficiência, o diretor Tiago Rodrigues, os intérpretes Sofia Dias e Vitor Roriz, a coreógrafa Tânia Carvalho, a bailarina Vera Mantero dançando ao som de Caetano Veloso, e um programa dedicado ao compositor português Emmanuel Nunes.

Pré-programa
Tânia Carvalho/François Chaignaud/Dançando com a Diferença de 12 a 16 de Outubro / Théâtre de la Ville / Les Abbesses

Ana Jotta: uma nova instalação imersiva à escala de um apartamento intitulado Une chambre en ville – Setembro/Outubro

Vera Mantero com Caetano Veloso 7 e 8 de Outubro / Chaillot – Théâtre national de la Danse

Retrato Marlene Monteiro Freitas :
– Bacchantes – Prelúdio para uma purga / 1 a 3 de dezembro / LE CENTQUATRE-PARIS
– Cattivo (instalação) / Local e datas a determinar
– Criação com Dançando com a Diferença de 5 a 8 de outubro / Chaillot – Théâtre national de la Danse
– Idiota (création 22) / Palais de la Porte Dorée – outubro
– Pierrot lunaire (melodrama) de 25 a 27 de novembro / La Villette
– De Marfim e Carne – local a determinar – novembro
– Guintche – local a determinar – setembro

Tiago Rodrigues
– Catarina et la beauté de tuer des fascistes de 7 a 30 de outubro / Théâtre des Bouffes du Nord e tour IDF
– Dans la mesure de l’impossible de 16 de Setembro a 15 de outubro / Odéon Théâtre de l’Europe
– By Heart / Outubro / Théâtre de la Bastille – a confirmar

Emmanuel Nunes – maestro Leo Warynski, ensemble Métaboles – Chapelle de la Salpêtrière – Setembro

Foto Catarina e a beleza de matar fascistas ©Pedro Macedo

Projeto realizado com o apoio da Fundação Calouste Gulbenkian.